sexta-feira, 8 de dezembro de 2006

Óbvio?


[Torres Vedras, 7 de Dezembro de 2006, FF]

"É curioso perceber como tantas vezes as coisas mais simples

são as menos óbvias.

Se calhar falta-nos distância crítica ou tempo para pensar

em tudo aquilo que nos acontece."

Laurinda Alves in Jornal Público

9 comentários:

rui disse...

Olá Estranha Pessoa

Por vezes nós complicamos o simples e, não vemos o evidente!
Aqui, não existe uma mera foto, é óbvio a mão do homem na harmonia das linhas desta fachada e o fabuloso jogo de luz e sombra.
Está um mimo!

Um abraço
O senhor do mar

Maria P. disse...

A imagem fantástica, o "recado" muito certeiro!

Bom fim de semana:)

pensamentos_vagabundos disse...

so imples deve ter trocado o nome com o complicado por isso não é assim tão simples...
beijo vagabundo

Tit disse...

Excelente pedacinho da minha cidade... não minha por nascença, mas por adopção ;)

Beijinhos daqui.

rui disse...

Olá Estranha Pessoa

Voltei para ver o óbvio, a sensibilidade da fotógrafa.

Bom fim-de-semana

Um grande abraço
o senhor do mar

arritmico-mano disse...

percebo-te e à Laurinda Alves...

vivemos no tempo de tudo ao mesmo tempo. não temos como absorver as coisas simples, ofuscadas que estão pelo que nos impingem.

retenho o teu olhar e saio a olhar o pormenor da cidade. (hoje que na vez da chuva há o frio.)

e o fumo.

Thiago Forrest Gump disse...

Algumas vezes o óbvio é mais difícil de enxergar. Apenas olhamos...

.*.Magia.*. disse...

Bom, agora fiquei baralhada com este post...

Obvios mexidos...gosto muito. Óbvios verdes também adoro!...é obvio que vou ter que escolher de quais gosto mais não é?????

Nãaaaaa!!!!!!!

Meia duzia de Obvios classe A?

Obvios moles?????Pode ser...
Vou ali a Aveiro e já venho!



Cheers

Teresa Durães disse...

porque não param.

eu gosto de parar.
senão o fizesse tambémnáo escrevia.
quem tira fotografias de pormenores tem de parar (ou assim o espero) e pensar.