domingo, 27 de maio de 2007

São as emoções que dão vida há saudade que trago...

[Sintra, 27 de Maio de 2007, FF]

" As coisas vulgares que há na vida não deixam saudade
Só as lembranças que doem ou fazem sorrir.
Há gente que fica na história
Na história da gente
E outras que quem nem o nome lembramos ouvir.

(...)

A chuva ouviu e calou o meu segredo à cidade
E eis que ela bate no vidro
Trazendo a saudade..."

'Chuva' by Mariza

5 comentários:

Luis disse...

Um poema a condizer com a foto ou a foto a condizer com o poema? Hum talvez ambos, certo? Bj

Maria P. disse...

A harmonia, e Sintra...

Bjos.

Branca disse...

Olha, nunca tinha ouvido com atenção a Mariza até agora...

O que comentar...
Não sei...
Acho que não quero acrescentar mais nada...

(...)

Vou embora estou a começar a deprimir...

lampâda mervelha disse...

Fico indeciso... mas talvez me perca entre os 2 blogues.

De tudo mais, as imagens, essas. FF, gostei muito.




http://lampadamervelha.photoblog.com - como partilha.

.*.Magia.*. disse...

São.
Somos!
Sei.
Sabemos.

É.
É.