terça-feira, 9 de novembro de 2010

Sociedade Moderna

Photobucket


"Morre-se de amor.
Também se morre dessa doença cruel e implacável,
que a sociedade moderna criou e parece não estar muito preocupada em exterminar
- o desprezo pelos outros."

Baptista-Bastos

1 comentário:

asmodeux disse...

pelo menos inda nã morrem de fome

de desprezo só morre quem quer

de fome morre quem phode